quarta-feira, 13 de julho de 2011

História do Turismo no Rio de Janeiro

ESPAÇO CULTURAL FGV( Fundação Getúlio Vargas)

Rua da candelária, Nº. 6 - Centro - Rio de Janeiro

- a 50 metros da entrada do Centro Cultural Banco do Brasil -

A exposição é simples, mas tem boa distribuição de informação escrita e visual na entrada da FGV. O que se destaca é o Folheto, um verdadeiro mini-livro com um belo resumo do histórico do Turismo no Rio, e uma Cronologia estampada no chão do salão.

Envio aqui uma PÉROLA desse folheto, destacando a falta de GUIAS em 1907:

Em 1907, chegou ao Rio o navio Byron, trazendo um grupo de turistas na primeira viagem à América do Sul promovido pela filial de Nova York da agência Thomas Cook, pioneira no turismo internacional. O periódico Correio as Manhã aproveitou a oportunidade para desfiar um rosário de lamúrias sobre a ausência de infra-estrutura turística e as precárias condições de receptividade oferecidas aos visitantes:

“O que é de lamentar é que ao encontro desses excursionistas não possamos mandar cicerones habilitados, que os guiem inteligentemente, ministrando-lhes informações seguras e minuciosas acerca dos acontecimentos mais notáveis de que tem sido teatro a nossa capital, das transformações já realizadas e em via de realização, das belezas naturais que adornam, das nossas tradições, da vida, enfim, de uma grande cidade, sob os múltiplos aspectos por que pode ser encarada no espaço e no tempo”.

Folheto da Exposição Turismo no Rio de Janeiro – Bianca Freire-Medeiros / Celso Castro.

 2011-07-12_16-31-34_147  2011-07-12_16-39-31_3  2011-07-12_16-31-11_895

Fotos – Gerardo Millone.