sábado, 20 de março de 2010

Museu Imperial de Petrópolis comemora 70 anos levando história e cultura para o Brasil

Março é o mês do aniversário do Museu Imperial de Petrópolis.
Redação SRZD, Estado do Rio, 20/03/2010.

No mês de março, um dos mais importantes museus do país, o Museu Imperial de Petrópolis, completa 70 anos de criação e, para comemorar a data, oferecerá uma programação especial.
O aniversário será marcado pelo lançamento do "Almanaque de Petrópolis - O Palácio Imperial", de Regina Helena de Castro Rezende e Cátia Maria Souza de Vasconcelos Vianna; pelo lançamento do "Caderno de Conservação - Coleção Chapéus", de Eliane Marchesini Zanatta; pelo concerto dos 70 anos do Museu, com uma homenagem às pessoas que ajudaram a enriquecer o acervo através de doações e a apresentação de produtos para a loja do Museu.
Ainda como parte da programação, o Museu Imperial implantou um dos mais importantes projetos de sua história. Funcionários da instituição estão concretizando o projeto de Digitalização do Acervo do Museu Imperial, conhecido como projeto DAMI. A iniciativa visa digitalizar todo o acervo do Museu Imperial, a partir de conjuntos de peças representados pelas coleções formadas por diversos doadores, e disponibilizar o material no site da instituição.
A primeira fase foi orçada em R$ 3,5 milhões, tendo o projeto recebido um incentivo de R$ 1,5 milhão da IBM. "O projeto levará mais de uma década para ser concluído. Mas o público poderá desfrutar das informações já a partir do dia 29 de março, quando disponibilizaremos duas coleções: a do visconde de Itaboraí, Joaquim José Rodrigues Torres (1802-1872), e a coleção Carlos Gomes, doada ao Museu pela filha do compositor, Ítala Vaz de Carvalho", adiantou o diretor do Museu, Maurício Vicente Ferreira Júnior.
O Museu também relançou o Sarau Imperial, que recentemente recebeu o selo Tour da Experiência do Ministério do Turismo. No projeto, "a princesa d. Isabel e suas amigas" convidam o público para passar uma tarde muito agradável com uma aula de história, boa música e poesia.

O Museu Imperial
Desde 29 de março de 1940, o Museu Imperial preserva, pesquisa e divulga objetos da história e da arte do período imperial brasileiro, garantindo para as futuras gerações o contato com o passado do país.
O local foi eleito uma das sete maravilhas do Estado do Rio de Janeiro, em 2007, e recebeu também nota máxima no "Guia Verde Michelin - Rio de Janeiro", de 2010, além de ter sido selecionado entre os dez melhores programas de viagem no Guia Quatro Rodas, edição 2010. O local não é apenas para visitação, mas para aprendizagem sobre a história do Brasil.
Além do acervo, composto por mais de 11 mil peças, diversas atividades e projetos já foram realizados ao longo de sete décadas, tudo isso para levar história aos visitantes de uma maneira inovadora e bela.

Serviço:
Museu Imperial
Endereço: Rua da Imperatriz, 220
Visitação: De terça a domingo, das 11h às 18h.
http://www.museuimperial.gov.br/
Telefones: 2245-5550 / 2245-5560
Preços:
Adultos: R$ 8,00
Estudantes, professores e maiores de 60 anos: R$ 4,00
Menores de 7 anos e maiores de 80: Gratuito

Nenhum comentário: